Linguagem corporal em vendas: saiba como fechar ótimos negócios!

by Grupo B-Leven

Gestos, postura e expressões faciais são alguns dos elementos não verbais que também comunicam. Dominar a linguagem corporal em vendas é essencial para que você desenvolva suas habilidades de persuasão e melhore seus resultados.

Neste artigo, você vai descobrir como a linguagem corporal é um fator que pode interferir positivamente nas suas vendas. Além disso, vai conhecer algumas técnicas que vão te ajudar a transmitir mensagens significativas mesmo sem dizer nada. Confira!

O seu corpo fala

Cerca de 93% da nossa comunicação acontece por meio de gestos, ou seja, a maneira como nos comportamos é mais forte do que nossas palavras. Cruzar os braços, bocejar ou bater com os dedos na mesa, por exemplo, são sinais corporais claros que representam intolerância, tédio e impaciência.

Aqueles que entendem a importância da linguagem corporal em vendas saem na frente porque conseguem captar a atenção do cliente sem que ele perceba, fechando negócios com mais segurança e convicção.

A sua imagem pessoal também conta

Assim como os gestos, a forma como você se apresenta para o cliente interfere no sucesso nas vendas, pois a sua imagem pessoal está relacionada diretamente com a percepção que as pessoas têm de você.

Um vendedor bem vestido, com o local de trabalho organizado e com a aparência descansada tem mais chances de emplacar uma venda. Por isso, esteja sempre atento às suas vestimentas e tenha a certeza que elas transmitem confiança.

O importante aqui é apostar em uma composição harmoniosa, passando a devida credibilidade ao cliente.

Para não ter erro, aposte em tons mais sóbrios e evite o excesso de acessórios extravagantes. Isso não significa que uma peça ou outra não possa ser mais chamativa. O fundamental é criar um look equilibrado, certificando-se de que a roupa está apropriada para o local.

Melhores técnicas de linguagem corporal em vendas

Abaixo, listamos algumas táticas imperdíveis para que você desenvolva as habilidades de linguagem corporal e conquiste mais vendas. Confira:

Aposte no recurso olhos nos olhos

Durante a conversa com o cliente, olhe sempre nos olhos dele. Desviar o olhar dá a impressão que você está desconversando ou que está distraído e não prestou atenção nas necessidades dele.

O contrário, porém, também deve ser evitado: manter o olhar fixo somente nos olhos da outra pessoa pode soar intimidador. O ideal é encontrar um equilíbrio entre os olhos e a boca, mas sempre demonstrando interesse.

Possua um aperto de mão firme

Um aperto de mão firme transmite a segurança que o cliente precisa sentir no vendedor para fechar negócio sem muita especulação. Em contrapartida, um aperto de mão frouxo é sinal que o vendedor não domina a área e está hesitante.

Contudo, apertos de mãos fortes demais serão entendidos como agressividade e geram reações contrárias às desejadas. Por isso, é importante ter um aperto de mão firme, mas ao mesmo tempo amigável.

Mantenha a boa postura

Ter cuidado com a postura no momento de falar com o cliente é essencial para que ele se sinta confortável com a sua presença.

Se você trabalha muito tempo em pé, distribua o peso do seu corpo igualmente nas duas pernas e procure mantê-las alinhadas aos ombros.

Lembre-se de que é fundamental manter a coluna sempre ereta, passando assim a sensação de que você domina o assunto.

Opte por um tom de voz cordial

Mesmo que as técnicas de linguagem corporal em vendas sejam quase sempre sobre os seus gestos, nunca descuide do modo como você fala com o cliente. O tom de voz pode mudar completamente a percepção dele sobre o que você está dizendo.

Se você fala baixo demais, não transmite confiança, e se fala muito alto, passa a impressão de autoritário. Sendo assim, encontre o ponto certo na balança.

Vale destacar, nesse aspecto, a importância de demonstrar entusiasmo, deixando claro o seu interesse pela conversa . Afinal, nada mais chato do que conversar com alguém que está com preguiça de falar. As palavras parecem ser arrastadas.

Use a técnica do espelhamento

A técnica do espelhamento consiste em adequar a sua linguagem corporal à da pessoa com quem você está conversando.

Se o cliente descruzou os braços, faça isso também. Se ele se sentou, sente-se também. Ele se sentirá confortável e à vontade com você, tornando o momento da venda mais fácil e proveitoso.

Mas cuidado com esse aspecto. Afinal, ao abusar desse recurso, o cliente pode pensar que você está caçoando dele e não é esse o propósito.

Gesticule suavemente

Outro ponto importante, que vai ajudá-lo a fechar mais vendas é a gesticulação — uma vez que determinados movimentados são extremamente expressivos.

O indicado, nesse caso, é ilustrar os argumentos por meio de algumas ações físicas. Mas nada muito brusco. Pelo contrário: os movimentos com as mãos devem ser leves.

Além do mais, lembre-se de que certas atitudes têm um efeito negativo, transmitindo insegurança, ansiedade ou até mesmo desinteresse. São elas: passar a mão no cabelo, coçar a nuca e outras.

Tenha expressões faciais amigáveis

Pense bem: enquanto consumidor, você preferiria ser atendido por alguém que tem um semblante fechado, aparentando ser rabugento ou por um profissional sorridente?

A resposta é óbvia, não é mesmo? Por isso, é importante apostar em expressões faciais simpáticas, que cativam o cliente e deixe-o mais confortável no ambiente.

Entretanto, não force a barra e nem simule sorrisos. Afinal, as pessoas reconhecem quando alguma atitude ou gesto é falso, o que prejudica o processo da venda.

Evite braços cruzados

Sabia que cruzar os braços pode significar medo, preocupação e até mesmo insegurança? E, como se pode imaginar, essas características não são bem-vindas durante uma negociação, não é mesmo?

Por isso, tenha cuidado com a posição dos seus braços, já que eles podem indicar desconforto com a situação.

Importante frisar, nesse contexto, que mãos fechadas como punho é um indicativo de que a pessoa está nervosa ou até mesmo frustada.

Preste atenção nas pernas e no pé

Tome cuidado com o posicionamento dos seus pés. Se eles estiverem direcionado para a porta, por exemplo, da a entender que você está desinteressado e quer terminar logo aquela conversa.

Caso esteja sentado, tenha atenção redobrada às pernas, já que movimentá-las freneticamente é um indício de impaciência. Então, nada de ficar cruzando-as ou descruzando-as o tempo todo, ok?

Não se esqueça que essa atitude pode causar um desconforto no consumidor, que vai pensar que você está com pressa de finalizar a conversa.

Levante o rosto

Manter o rosto levantado é uma forma de demonstrar atenção ao que está sendo dito. Essa simples ação assegura que você está envolvido na conversa, tornando assim a comunicação mais efetiva. Simples assim.

Sempre que estiver atendendo um possível cliente, lembre-se dessas dicas e coloque em prática os seus conhecimentos sobre gestos, postura e expressões faciais. Com o tempo, você perceberá que as suas vendas acontecem com mais facilidade e os clientes ficam muito mais satisfeitos com os seus serviços.

Agora que você conhece as melhores técnicas de linguagem corporal em vendas, conheça nosso ebook!

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *